segunda-feira, 3 de junho de 2013

40 dias meditando no Salmo 37: Primeiro dia

"Não te indignes por causa dos malfeitores, nem tenhas inveja dos que praticam a iniquidade". Salmo 37.1         
O salmo 37 é escrito por Davi  e ele nos ensina através de suas palavras que a prosperidade dos pecadores acabam, mas a do justo dura eternamente e conseguem ser felizes. O nosso primeiro dia de meditação neste salmo, está no versículo um, o Altíssimo nos diz  no versículo acima que você não se deve indignar por causa dos malfeitores. Então, não importa a extensão da maldade que alguém cometa, não permita que a indignação tome conta do seu coração. Em vez disso, veja o que Deus declara a respeito desse assunto, procure a saída que Ele lhe mostrar e a direção que Seus lábios lhe darão, a fim de que você não caia em tentação. Até no ato de repreendermos quem caiu em pecado, necessitamos da ajuda divina para não sermos tentados de igual maneira.
 
Quando o homem fica indignado, deixa de ouvir o Senhor. Deus nos deixa claro que não devemos ficar indignados, mas nós como mulheres de Deus devemos olhar e orar pelos malfeitores, ao invés de querermos a vingança, o mal. Como cristão verdadeiros devemos orar para que os malfeitores ou seja aqueles que praticaram o que é errado conheçam o amor de Deus e se convertam.
 
Os que praticam a iniquidade são mais “corajosos” do que os que esperam no Senhor, porque se deixam levar pelo maligno para a consecução dos seus planos. Então, jamais tenha inveja deles, pois, ainda que, aparentemente, consigam algum ou muito sucesso mesmo estando no erro, o fim deles é trágico. O diabo é capaz de se esforçar, tentar negar sua natureza má e dar algo a alguém, para que outros também cometam o erro. Somente a bênção do Senhor enriquece e, com ela, não vem dor alguma. O que Ele nos dá faz um grande bem à nossa alma e não nos leva ao pecado da soberba, no qual a pessoa acha que conseguiu algo por ser melhor do que as outras.
 
É bom orar pelas pessoas usadas para fazer maldades e pelas que obtêm sucesso praticando a iniquidade, pois, em breve, elas serão ceifadas e lançadas no abismo sem fundo. Precisamos lutar pela santíssima fé que o Senhor nos deu para arrebatar algumas do fogo eterno e lutar por essas almas em oração.
 
Que a Graça de Deus Seja com todas. Adrielle Kawahara

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Porquê melhor é a sabedoria do que jóias, e de tudo o que se deseja nada se pode comparar com ela". Provérbios 8:12

Template by:

Free Blog Templates