quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Série Preparação para o Novo ano: Primeiro passo

Dezembro chegou e falta menos de trinta dias para o novo ano e como você tem preparado para receber este novo ano? E um dos passos importantes para ter uma ano abençoado é fazendo uso da  Petição Espiritual. 

Neste primeiro passo quero levar você minha amiga cristã a fazer uso da petição; Talvez você esteja se perguntando o que seria uma petição. Antes de explicar a petição espiritual, vou explicar a material juridicamente falando para levar você a um conhecimento amplo. Quando você autoriza seu advogado á entrar com uma ação jurídica, ele faz uso da petição inicial, para que o ministério da justiça análise e se inicie o processo. Lembrando que tem que atender todas as exigências do Código de Processo Civil (CPC).

Petição Inicial: Peça escrita na qual o autor formula seu pedido, expondo os fatos e sua fundamentação legal contra o réu, dando inicio ao processo (CPC: arts. 282 a 296 e 396)
Petição Espiritual: Peça oratória na qual o autor fala seu pedido, expondo os fatos e sua fundamentação bíblica, dando inicio ao pedido em oração. (Bíblia sagrada Isaías 43:26) “Procura lembrar-me; entremos em juízo juntamente; apresenta as tuas razões; para que te possa justificar” (Isaías 43:26)

Quando fazemos uso da petição que é o mesmo que oração, estamos dando inicio ao nosso pedido para que possa ser atendido. No processo espiritual é totalmente exigente você observou que o profeta Isaías nos ensinou como orar. A oração é a chave da vitória. A mulher sofre por falta de conhecimento e esse sofrimento é que traz essa má aparência, pra falar bem claro um exterior horrível que a plástica, o regime, academia, maquilagem não resolve. Um dos passos para obtermos esse mais que charme é fazer uso da petição inicial.

Em Tiago 4:3a nos ensina dizendo: “Pedis e não recebeis, porque pedis mal...” Quantas vezes você pediu e não recebeu? Garanto que você ta dizendo foram várias as vezes que pedi e não fui atendida. Pois ai está o porque, porque você não sabe fazer uso da oração, não está sabendo pedir. E como pedir para que eu possa ser atendida? Talvez essa seria a sua pergunta. A oração pra ser ouvida ela exige de você quatro passos.

Primeiro – procura lembrar-me. Ao entrarmos em oração é preciso reconhecer e reivindicar os nossos direitos que se encontra no testamento que foi deixado pelo nosso próprio Deus (a própria Palavra de Deus) . Muitas mulheres casadas, sofrem em seu casamento e com isso ora a Deus e muitas das vezes não é respondida, porque não lembra á Deus que na palavra dele ele disse: O que Deus uniu, não separe o homem. Ou seja as brigas, as dividas, o medo, a miséria não pode separar. Mas é preciso aprender a reivindicar seus direitos no uso da petição. Um outro exemplo é na vida financeira tanto da mulher casada ou solteira, as vezes se encontra desempregada, com dividas e não consegue sair desta situação é preciso reivindicar para mudar dizendo: Do senhor é o ouro e a prata; Provai-me nisto e eu abrirei as janelas dos céus. Então eu quero a prosperidade em minha vida. Assim também é você que não consegue se relacionar, encontrar uma pessoa amada de Deus. Se esse é o desejo do teu coração reivindique: Deleita do senhor e satisfará os desejos do teu coração. Para a mãe que o filho não é convertido reivindique: Crê no senhor Jesus será salvo tu e tua casa. Isso é que faz a diferença; Ao orarmos sempre devemos sitar a palavra de Deus de acordo com o problema que esteja enfrentando.

No mundo material a pessoa que quer entrar com uma ação ela procura um advogado, e em seguida o advogado faz uso da petição sitando o artigo que é de acordo com o problema da pessoa. No mundo espiritual não é diferente, você tem que procurar o advogado que é Jesus e dizer o seu problema juntamento com a palavra para levar até o Juiz que é Deus. Lembrando que em um juízo sempre tem o réu, e no mundo espiritual o réu é o Diabo o adversário que anda ao vosso redor, sempre acusando, contestando a sua oração.

Segundo – Entremos em juízo. Depois de lembrar temos que entrar em juízo juntamente com Deus, pois Deus nunca perdeu uma batalha. Ore, especificando o motivo e usando sempre o nome de Jesus, e exija que o mal saia sitando sempre um versículo que cujo é a sua promessa na área ao qual deseja.
Terceiro – Apresenta tuas razões. Já lembramos, entremos em juízo juntamente e agora é hora de você apresentar tuas razões. Significa fazer o mesmo que os advogados fazem quando estão defendendo seu cliente. Por isso o importante da mulher ter essa virtude, ou seja ler a palavra de Deus para saber os seus direitos, e aí ir diante do tribunal, que é a própria palavra, erguer a nossa voz e não aceitar qualquer veredicto, a não ser aquele que você determinou. Durante esse processo, devemos ficar atentos, pois o nosso adversário o diabo vai tentar de todas as maneiras nos enganar e contestar os nossos fatos. Lembre-se que Deus não muda, e se Ele prometeu em sua palavra, a sua benção chega até você.

Quarto – Para que te possas justificar. Neste quarto passo deixa claro que Deus ele não quer sejamos crianças, brincando de orar. O propósito da oração (petição) é que sejamos vitoriosos e que o nosso réu (o diabo) seja sempre derrotado. Depois de justificado minha amiga você será uma vitoriosa.
Fazendo uso da petição espiritual jamais seremos derrotadas em nossas batalhas. Esse é um dos principais passos para que tenhamos e sejamos uma mulher virtuosa.

Que a graça de Deus com todas nós, Adrielle Kawahara

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Porquê melhor é a sabedoria do que jóias, e de tudo o que se deseja nada se pode comparar com ela". Provérbios 8:12

Template by:

Free Blog Templates