terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

A língua


Tudo o que existe em nosso universo veio a existir pelo poder da palavra. Deus falou, e nosso mundo veio a existir. Quando ele formou o homem, a mais elevada das criaturas terrestres, Deus o abençoou com a capacidade de se comunicar. Podemos falar, e até mesmo escrever, porque Deus nos deu o dom da linguagem. Quando o diabo usou palavras mentirosas para tentar Eva, ela e seu esposo caíram em pecado (Gênesis 3). Quando os homens abusaram da boa dádiva da comunicação para se exaltar e desobedecer a Deus, ele confundiu suas línguas para forçar povos diferentes a se separar e povoar a terra, como ele tinha ordenado anteriormente (Gênesis 11:1-9; veja 9:1).


A língua, portanto, é uma força poderosa. Pode ser usada para o bem, como Deus pretendia, para exprimir amor e oferecer salvação. Ela também pode ser usada para o mal, com efeitos desastrosos que conduzem à condenação. Estas duas possibilidades são claramente contrastadas em Tiago 3:1-12. Consideremos este importante texto e suas aplicações em nossas vidas.
"Ora, se pomos freios na boca dos cavalos, para nos obedecerem, também lhes dirigimos o corpo inteiro. Observai, igualmente, os navios que, sendo tão grandes e batidos de rijos ventos, por um pequeníssimo leme são dirigidos para onde queira o impulso do timoneiro. Assim, também a língua, pequeno órgão, se gaba de grandes cousas. Vede como uma fagulha põe em brasa tão grande selva! Ora, a língua é fogo; é mundo de iniquidade; a língua está situada entre os membros de nosso corpo, e contamina o corpo inteiro, e não só põe em chama toda a carreira da existência humana, como também é posta ela mesma em chamas pelo inferno" (3:3-6). A língua é um pequeno membro do corpo, mas exerce um poder destruidor que ultrapassa todos os outros. Como o leme de um navio ou freio na boca de um cavalo, este pequeno membro é incrivelmente poderoso. Como uma faísca pode iniciar um fogo que destruirá uma floresta, assim a língua descontrolada pode destruir uma alma e criar uma miséria terrível para outros.

Já observou o quanto falamos? O marido fica até nervoso. Quando solteiras as amigas até cansam de ouvir as mentiras e fofocas.
Mulheres virtuosas devem cuidar desse órgão, pois falamos muito. Às vezes usamos para falar mal, reclamar, e outras. A palavra de Deus diz: "A Morte e a vida estão no poder da língua;" Provérbios 18:21

Cuidado! Vamos ser a mulher virtuosa de provérbios 31, no verso 26 diz: "Fala com sabedoria e a instrução da bondade está na sua língua"

Que a graça de Deus seja com todas, Adrielle Kawahara

2 comentários:

  1. Dna Adrielle que benção este post. A língua é um órgão que realmente devemos cuidar, pois é como a senhora disse ela tem o poder de abençoar e amaldiçoar. Admiro muito a senhora, Dona Nanda, Dona Cristiane que atravéz de suas mensagens nos orienta.

    Fique na fé.
    Célia

    ResponderExcluir
  2. Mais um blog de fé. É a primeira vez que venho aqui dona, e amei seu blog muito abençoaodo e delicado. lindo!

    beijoooosssss Obra. Cah do sul de sampa.

    ResponderExcluir

"Porquê melhor é a sabedoria do que jóias, e de tudo o que se deseja nada se pode comparar com ela". Provérbios 8:12

Template by:

Free Blog Templates