segunda-feira, 4 de outubro de 2010

O que Deus uniu homem não separa! Será?

No século de hoje as moças e rapazes veem o casamento como a pior coisa do mundo, pois os pais e amigos deixaram exemplos que marcaram a vida dos mesmos e bloqueando o desejo de constituir uma família. Se você perguntar para os jovens quantos deles querem casar, 98% deles irá dizer que não, pois eles dizem que casamento é para trouxa e que é uma perca de tempo.

A palavra de Deus nos ensina: “Portanto, o que Deus ajuntou não separe o homem.” (Mc 10.9). Mas porquê existe tantas separações, sendo que a palavra de Deus diz que o homem não separa? O problema é que muitas pessoas não levam o casamento à sério e faz com que tudo é motivo de separação, sendo que Deus nos ensinou também a perdoar. A moça deve saber que o homem e a mulher têm comportamento diferente. A mulher é frágil (sentimental) e o homem é um ser bruto ou seja não aje por emoção e sim pela razão dos fatos. A jovem antes de se casar precisa aprender a ser paciente e obedecer o mandamento de DEUS que é não deixar o homem separar. Mas isso só irá ocorrer quando os dois decidirem amar e respeitar. Todo casamento exite brigas, mas a diferença é que alguns deixam as brigar dominar o amor que existe no casamento, deixando ela falar mais alto.

O casamento é uma das maiores alegrias que se pode viver aqui nesta existência. O problema é que as pessoas não foram orientadas para esta forma de vida, para como viver a vida a dois, pois não sabem que precisam perder muitas vezes a vontade, a opinião, perder algo de si, para encontrar algo muito maior e mais profundo que as leve para uma vida de mais alegria, plenitude e sentido.


Na maioria das vezes os casais não vivem nesta dimensão de plenitude, porque possuem problemas psicológicos, os quais bloqueiam a sua capacidade de expressar o amor.

O sexo no casamento é a expressão do amor no físico, daquele amor que se iniciou na dimensão noologia, passou pelo afeto e se derramou no físico. A sexualidade só completa um ser humano quando ela é vivida para a expressão do amor para com o outro.

Devido aos problemas que a maioria das mulheres carrega dentro de si por heranças psicológicas, bloqueios em sua sexualidade, lhes parece que o homem tem mais necessidade de sexo que a mulher, na verdade ele quando procura sua companheira, procura o Amor. No casamento quando se tem compromisso um com o outro e esse compromisso é para sempre, o sexo deixa de ser um desejo fisiológico e passa a ser a resposta e a fonte de amor para alimentar a união dos dois, ela devido aos seus condicionamentos interpreta o desejo, a atitude dele como sendo sexual e não de amor, e consequentemente passa a repulsá-lo. O que parece que o homem tem mais desejo que a mulher, não é uma verdade, o problema está nos bloqueios que ela carrega e que consequentemente inibem seu desejo. Estes bloqueios a fazem sofrer muito.
Deus fez tudo perfeito, nós que complicamos. Então vamos descomplicar? Começando por mim mesmo? O outro mudará a partir de minha mudança. Por isso que Deus fala que a mulher sábia edifica sua casa, comece hoje mesmo tirando esses bloqueios de dentro de você. Perdoar é esquecer o que o outro fez, o problema é que quando surge as brigas a mulher joga na cara do esposo: "Maldito o dia que te conheci! Você não é o mesmo etc." Não deixe isso existir em seu casamento, pois assim você estará desagradando à Deus. Você disse no seu casamento que nem a doenças os separa, que seria com seu parceiro na doença e na saúde e a bebida, vício é uma doença. Vigie e lute por seu casamento.
O casamento para ser santo e duradouro, necessita  que Deus seja o centro, Ele estabeleceu a união com um objetivo único, receber toda a honra e glória!  É inquestionável, portanto, a observação de todos os princípios e regras definidas na Bíblia para o bom andamento da união conjugal.  O lar deve ser consagrado a Deus; a leitura da Bíblia necessita ser em conjunto; a oração deve subir como aroma agradável; o sacrificar com jejuns de comum acordo; o culto familiar é indispensável; o ensino bíblico aos filhos um dever.

Que a Graça de Deus seja com todas; Adrielle Kawahara

3 comentários:

  1. Querida que palavras sábias!

    Constata-se que hoje em dia apesar do casal fazer votos diante Deus e dos homens no dia do casamento, comprometendo-se a estarem unidos até que a morte os separe, isso na maioria das vezes não acontece. Parece que as pessoas esquecem-se rápido das promessas que fazem. É como ler o pacto de membro, quando se começa a congregar numa igreja. Comprometem-se a seguir os princípios e a servirem mas no final acabam por irem embora, por vezes sem darem justificativas. Penso que o problema principal é a falta de temor para com Deus.

    Consequentemente, as futuras gerações são influenciadas pelos maus exemplos o que provoca a decadência rápida desta sociedade. Como reverter esta situação? Só através da Palavra, retornar às veredas da justiça e da verdade.

    Desejo-te continuação de uma excelente caminhada cristã!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, gostaria primeiramente de parabenizá-la dona Adrielle por belas mensagens postadas aqui neste cantinho que me fez aprender muito a como se portar como uma serva de Deus.
    Esta mensagem me ajudou e muito, apesar de não se casada. Sua visão espiritual é muito forte. Sou sua fã, um grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. Gostamos muito do seu blog!!!
    Já estamos seguindo-o.
    Criamos um blog e queriamos que vc desse uma olhadinha e comente dando sua opinião ...
    Gostando ajude-nos a divulga-lo.

    http://unidospeloamor2010.blogspot.com/

    e tbém faça parte de nossa comunidade:

    http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=111470503

    ResponderExcluir

"Porquê melhor é a sabedoria do que jóias, e de tudo o que se deseja nada se pode comparar com ela". Provérbios 8:12

Template by:

Free Blog Templates